segunda-feira, 30 de abril de 2012

Chacina que deu nome à Localidade

Antonio Pereira da Mota Júnior

Como nasceu As Cabeças?!
Pergunta o curioso. Não achando resposta que satisfaça a raciocínio, deixa de lado, não mais tentando investigar. Eu, no entanto, investiguei até que encontrei a ponta e o fio da complexa meada. Em 1914 conheci esta localidade – Cabeças! Cabeças de quê? Ninguém sabia explicar nada. Curioso, apelei para os velhos naturais da localidade. Vários deles eram vegetativos. Só queriam viver a vida que Deus lhes deu. Contudo, continuei investigando. Um certo dia encontrei-me com um certo velho caboclo, de cabelos lisos, que sabia contar histórias do seu tempo de menino. Eis, aí! As chamas da minha curiosidade deram labaredas! Cabeças de quê?... O dito velho Saturnino – era o seu nome – passou a debulhar o conteúdo do seu raciocínio, armazenado quando criança, o que ouvira dos seus avós...
Aí, vai a história!
O nome das Cabeças, gerou, fecundada pelo ódio, vindo à luz no trovejar de uma arcabuzada.
Nos idos tempos, quando imperava a lei do mais forte, era, por aqui a grande artéria de ligação da Bahia ao grande Estado de Minas Gerais. Era por essa longa via pública que vinham as grandes tropas de muares e cavalares, escoteiros e carregados, além dos grandes boiadeiros, vindo e indo, tudo, nesse afã de tráfego, de ligação com aquele grande e produtivo Estado mineiro. Havia, aqui, neste trecho, de longa e movimentada estrada, um bifurcamento, cujo desvio ia ter ao Rio Paraguaçu, achando-se, até o presente, a dita Estrada, na Praça-Sede, deste novo município “Governador Mangabeira”.
Era, então, esta região de rara habitação e de múltiplos perigos, quando os raios de certa manhã, ao levantar o manto da noite que findava, chocaram-se e estremeceram-se de espanto ao descobrir, os olhos esbugalhados, das cabeças humanas enfiadas em pontas de estacas! Era o banditismo em ação! Era a época do bacamarte traiçoeiro! Era a época das chacinas, frias, encomendadas! Aí mesmo, ao lado, no leito da via pública imperial, jaziam os corpos decapitados. O trecho, local, não tinha, até então, segundo parece, nenhuma denominação, visto que, o escabroso acontecimento figurara nos olhares assustados dos transeuntes às pontas das estacas dando nome daqueles cofres do pensamento, ali, trancados para eternidade, pelo chumbo-quente, como legado, até o dia 14 de março, próximo passado, quando, em comemoração ao aniversário de nascimento do maior poeta das Américas – Antonio de Castro Alves – teve seu segundo batismo – sendo este soleníssimo – recebendo o nome, sublime por todos os títulos, de “Governador Mangabeira”. Essa grande data foi um pensamento feliz do Industrial José Carvalho, que, por intermédio do Dr. Pedro Cone, Presidente do Instituto Bahiano de Fumo, que valendo-se da sua influência junto ao Governador Juraci Magalhães, conseguiu a promulgação naquele dia, revivendo, assim, aquela grande data, juntando a esta nova, que surgiu, unindo-as numa magnífica dupla, que as gerações do porvir haverão de comemorar, com orgulho.
Ficaram, assim, enterradas as Cabeças que estavam insepultas... mas a história continua!
Este texto constitui a íntegra do capítulo I do livro “Chacina que deu nome à localidade” de Antonio Pereira da Mota Júnior, publicado em Maio/1962


sábado, 28 de abril de 2012

Governador Mangabeira de luto: Morre aos 87 anos Tote do Retiro


Faleceu na noite deste sábado (28), o Sr. Manoel Moreira Lima, conhecido por Tote do Retiro. Desde a semana passado o Sr. Tote encontrava-se internado no hospital Regional de Santo Antonio devido a uma queda que sofreu, onde teve a bacia fraturada. Impedido de fazer uma cirurgia devido a uma lesão no coração o quadro foi agravado. Em contato com a equipe do Mídia Recôncavo, Pedro Lima, um dos seus filhos nos informou sobre a situação lamentável e ressaltou que aguarda junto com a família a definição do horário para o sepultamento. (Mídia Recôncavo)

Congresso Sindical consolida presença do PSDB nos movimentos populares


O PSDB reuniu mais de duas mil pessoas, entre sindicalistas, lideranças políticas e filiados ao partido, nesta sexta-feira (27), para a realização do 1º Congresso Nacional do Núcleo Sindical do partido, em São Paulo. O presidente nacional da sigla, Sérgio Guerra, o governador Geraldo Alckmin (SP), o ex-governador José Serra e o senador Aécio Neves (MG), foram alguns dos representantes no encontro.
O Núcleo Sindical do PSDB atuará de forma decisiva no dia a dia do partido. Será, na avaliação do presidente Sérgio Guerra, um grupo com “vez e voz nas decisões partidárias”. Os sindicalistas já participarão das eleições de 2012, com candidaturas às câmaras e prefeituras municipais em diversas cidades, e prepararão, ao longo dos próximos anos, uma agenda de temas que será apresentada ao partido.

sexta-feira, 27 de abril de 2012

Pinheiro pode resgatar projeto de ACM que impediria Cachoeira de contratar ex-ministro por cifra milionária

Pinheiro pode resgatar projeto de ACM que impediria Cachoeira de contratar ex-ministro por cifra milionária
Um projeto de lei do falecido senador Antonio Carlos Magalhães (do extinto PFL-BA) pode ser desenterrado dos arquivos do Congresso Nacional pelos membros da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que apura a relação do bicheiro Carlinhos Cachoeira com políticos e empresas que atuam no setor público. O PL 283/2003 foi apresentado em 16 de julho de 2003 com o objetivo de alterar o Decreto-Lei nº 3689, de 3 de outubro de 1941, “para determinar que os acusados de envolvimento no crime organizado e no tráfico de entorpecentes sejam representados pela Defensoria Pública”. O Bahia Notícias pesquisou que, durante a tramitação, em 19 de outubro de 2005, a matéria chegou a ser aprovada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado e, com o fim do prazo regimental para interposição de recursos, foi encaminhada à Câmara Federal. Lá, em 26 de junho de 2007, época em que ACM Neto (DEM) já atuava como deputado, foi rejeitada e arquivada três dias depois, menos de um mês antes da morte de Antonio Carlos, ocorrida em 20 de julho daquele ano. Coincidentemente, o relator escolhido para defender a proposta foi o senador Demóstenes Torres (sem partido-GO), então correligionário do baiano, hoje acusado de integrar uma rede criminosa liderada por Cachoeira. O líder do PT no Senado, o baiano Walter Pinheiro – um dos principais articuladores da CPMI –, não sabia da existência do projeto, mas, informado pelo BN, considerou a hipótese de tentar resgatá-lo. “É uma coisa boa mesmo, pois impede que o dinheiro ganho em operações ilícitas seja usado na defesa. Vou sugerir aos membros da comissão para incluir a pauta na ordem do dia como resultado dos trabalhos”, avisou o petista, ao prometer ainda “desarquivar projetos dessa natureza e sugerir outros de cunho semelhante”. Se a proposta de ACM fosse aprovada e sancionada naquela ocasião, Cachoeira não poderia ter como seu advogado o ex-ministro da Justiça de parte do governo Lula, Márcio Thomaz Bastos, considerado o criminalista mais caro do país. Especula-se que o mandachuva do jogo ilegal desembolsou cerca de R$ 15 milhões para contratá-lo. (Bahia Notícias)

“MURITIBA - Resgatando sua História”

Capa do livro
“Alea jacta est” – A sorte esta lançada.
O escritor Nelson Brito lançou a pré-venda do livro Muritiba - Resgatando sua história, ao preço de R$25,00 por exemplar e não precisa pagar agora. São quase 400 páginas de história. Na compra de dez exemplares, será ofertado um de bônus.
Para que o livro seja editado é preciso ter uma pré-venda de 2.000 exemplares. Caso não atinja esta meta, o livro não será editado e como o mesmo não dispõe de recursos para bancar a edição, a cobrança será  antecipada, assim que bater a meta dos 2.000 exemplares. Cujo balanço da quantidade vendida será realizado na última semana de maio.
Aos que confiarem e não quiserem perder a oportunidade de adquirir este livro de edição limitada, podem fazer sua reserva para e-mail: nelsonbritossa@yahoo.com.br ou nos seguintes postos de pré-venda em Muritiba.
Bar do Luciano – Praça Getúlio Vargas
Barbearia de Edinho – Rua Anfilófio de Castro
Farmácia Melina – Ao lado da Prefeitura
Luciano Sampaio – Em frente à Igreja do Bonfim
O Kitandeiro – Rua Júlio Dorea
Point da Bandeira – Praça da Bandeira
Roberto Queiroz ou Cristiane Marques
A entrega dos exemplares em Muritiba será realizada a partir do dia 8 de agosto e em Salvador a partir do dia 13 de agosto.
Vamos resgatar a nossa história?


A divulgação que fazemos neste espaço visa apenas contribuir para um maior conhecimento da obra.

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Vereadores baianos perdem cargos por desfiliação sem justa causa


O Tribunal Regional Eleitoral na Bahia (TRE/BA) decretou, nas últimas duas semanas, a perda do cargo eletivo de três vereadores de municípios baianos por desfiliação sem justa causa. Com a perda do cargo eletivo dos vereadores, as Câmaras Legislativas dos municípios baianos de América Dourada, de Antônio Gonçalves e de Serra Preta devem empossar o respectivo suplente ou o vice deles. Perderam o cargo o vereador de América Dourada, Márcio de Oliveira Costa, por deixar o Partido Republicano Progressista (PRP) e filiar-se ao Partido Progressista (PP); do município de Antonio Gonçalves, Amilton Matos Cardoso, por desfiliar-se do DEM e ingressar no PDT e o da cidade de Serra Preta, Epifânio Souza Santos, que saiu do PSDB e entrou no PRP, todos sem justa causa. Para justificar a saída dos partidos, os  vereadores afirmaram que houve uma mudança substancial do programa partidário e que teriam sido vítimas de grave discriminação pessoal. Para o TRE, os vereadores fizeram um acordo com os partidos, que com a saída deles, etariam livres para novos vínculos. (Correio*)

MPF pede cassação de mandato da prefeita do PT


MPF pede cassação de mandato da prefeita de Coaraci
Josefina Castro poderá ficar inelegível por 5 anos

A prefeita de Coaraci, no sul baiano, Josefina Maria Castro Alves (PT), poderá perder o mandato e ter seus direitos políticos suspensos por até cinco anos, caso seja condenada em um dos dois processos movidos pelo Ministério Público Federal (MPF) de Ilhéus. O órgão impetrou, nesta quarta-feira (25), duas ações civis públicas na Justiça contra a gestora e contra a empresa Focus Coaraci Locadora de Automóveis, acusadas de fraudes em licitações e utilização irregular de verbas públicas no exercício de 2009. As ações foram resultados de investigações do MPF, a partir de relatórios da Controladoria Geral da União (CGU). Na denúncia, nos primeiros meses do ano citado, os serviços de locação de veículos para o transporte escolar eram contratados diretamente com os prestadores, mediante dispensa de licitação. Com a realização de concorrência, passou a vigorar o contrato com a Focus. Contudo, segundo o MPF, o serviço foi prestado pelos mesmos veículos e motoristas e os valores repassados a eles pela locadora eram o mesmo montante que recebiam da administração antes do processo licitatório. O contrato elevou os gastos a 124% e "não apresentou benefícios suficientes que justificassem a diferença de valor". Ainda no relatório da CGU, em meses com 20 a 24 dias letivos, a gestão gastou, em média, cerca de R$ 50 mil em combustível para transportar estudantes. Já no mês de dezembro do mesmo ano, com apenas cinco dias de aula, foi identificado um gasto de R$ 117 mil, 140% a mais que nos outros meses, sem apresentar nenhum documento que justificasse os pagamentos feitos à empresa Ribeiro Nogueira. Além disso, a equipe de fiscalização apontou uma despesa de quase R$ 7 mil entre janeiro e fevereiro, período em que as escolas estavam em férias. A CGU ainda apresentou tabela que indicava R$ 258 mil o gasto adequado com combustíveis para o período. No entanto, a administração pagou mais de R$ 900 mil, 253,8% a mais que o valor calculado para uma despesa média ideal. (Bahia Notícias)

Executiva do PSDB decide manter diálogo pela unidade das oposições

A executiva estadual do PSDB decidiu na última sexta-feira (20) manter o diálogo pela unidade, ainda no primeiro turno, dos partidos de oposição na disputa pela prefeitura de Salvador. Nesta reunião, que contou a presença das principais lideranças do partido, também ficou acertado a continuidade das tratativas do pré-candidato tucano Antonio Imbassahy com o PMDB, além de estabelecer condições para evitar candidaturas concorrentes entre o PSDB e DEM.
Executiva do PSDB esteve reunida na sexta-feira (20) em Salvador
Veja Nota oficial da Executiva Estadual do PSDB-BA:
Reunida na manhã desta sexta-feira, 20, a Executiva Estadual do PSDB, no uso das prerrogativas que lhe confere o Estatuto Partidário, concluiu:
A) Continuar trabalhando pela unidade das forcas políticas de oposição visando um grande e responsável projeto de reestruturação para Salvador, recuperando os serviços públicos, e preparando a cidade para o futuro.
B) Mantendo-se as condições atuais, nos seus diversos âmbitos, enfatiza o prosseguimento das tratativas com o PMDB, objetivando a unidade e, recomenda à Executiva Municipal estabelecer condições para evitar candidaturas concorrentes entre o PSDB e o DEM.

Petista critica oposição por combater a corrupção


A articulação política do Planalto anda tão bagunçada que nenhum líder da base governista foi escalado para acompanhar a passagem de Sepúlveda Pertence pela Câmara na terça (24) à tarde. Apenas o petista Edson Santos acompanhou o depoimento e acabou se atrapalhando ao criticar a forma como a oposição explora os escândalos de corrupção do governo. Disse Santos:
– Fazer do combate à corrupção uma bandeira política nesse país, a história já mostrou com Getúlio Vargas e na ditadura, que não deu muito certo. Acho que a oposição deveria buscar outras bandeiras.

Quatro prefeitos baianos são denunciados pelo MP-BA

O Ministério Público estadual apresentou cinco denúncias contra prefeitos baianos. As acusações foram feitas contra os administradores de Maragogipe, Silvio José Santana Santos; Casa Nova, Orlando Nunes Xavier; Abaré, Delisio Oliveira da Silva; e Terra Nova, Francisco Hélio Souza. As denúncias foram recebidas pela Primeira Câmara Criminal do Tribunal de Justiça na quarta (24). O prefeito de Maragogipe responderá a dois processos, ambos relacionados a denúncias de ausência de licitação e utilização indevida de verba pública. Contratações sem licitação também levaram o MP a denunciar o prefeito de Casa Nova que também é acusado de realizar publicidade promocional. O gestor de Abaré, por sua vez, procedeu a abertura de créditos suplementares sem recursos disponíveis e também cometeu irregularidades relacionadas a processos de licitação. Já o prefeito de Terra Nova foi denunciado por crime ambiental porque detectaram depósito de lixo doméstico e hospitalar e resíduos da construção civil no ambiente natural do município. (Bahia Notícias)

Deputados aprovam projeto e são vaiados em Plenário

A minguada oposição ao governador do estado na Assembleia Legislativa da Bahia fez barulho e conseguiu somar 19 votos contrários ao projeto de Lei 19.776/12, que transforma em subsídio a remuneração total dos professores com titulação em ensino médio completo ou licenciatura de curta duração e de docente não licenciado, impedindo o “acréscimo de qualquer gratificação”.
Na bancada governista, 33 parlamentares fizeram coro ao líder, Zé Neto (PT), e, contrariando aos professores que pediam o adiamento ou rejeição da matéria, aprovaram o projeto do Executivo. A deputada Luiza Maia, que construiu carreira no magistério e vem apoiando os professores, foi coerente e fechou com a categoria. Dois deputados do PCdoB se abstiveram da votação.
Os professores que acompanharam a sessão da galeria Paulo Jackson e nos outros salões do Palácio Luís Eduardo Magalhães se gritaram em protesto à aprovação. “Você pagou com traição a quem sempre lhe deu a mão”, o trecho da música que mais uma vez tomou conta do Plenário. Em consequência da aprovação do projeto, a greve dos professores continua até segunda ordem.
Quando o deputado Elmar Nascimento (PR) subiu ao púlpito para ler a relação de parlamentares que votaram contra o projeto, o nome da única petista foi o mais aplaudido, confirmando, a afirmação de membros do movimento grevistas que dizem que estão carentes de representantes nas casas legislativas. Neste sentido, Targino Machado (PSC) é taxativo: “aqui estão os que vocês (servidores/eleitores) elegeram. Quem elege deputado é eleitor”! (Bocão News)

Processo de cassação do Dep. Rogério Andrade é arquivado


Cassação de Rogério Andrade é arquivada pela Mesa Diretora da AL-BA
Gaban (DEM) assumiria a vaga caso Andrade fosse deposto
O processo de cassação do deputado Rogério Andrade (PSD) foi arquivado, na manhã desta quarta-feira (25), pela Mesa Diretora da Assembleia Legislativa da Bahia. A ação, proposta pelo Democratas, argumentava que Andrade havia faltado a mais de um terço das sessões legislativas em 2011. O parecer do relator J. Pires (PT), no entanto, seguiu a decisão da Comissão de Constituição e Justiça da Casa (CCJ), e rejeitou a medida. Se o membro do PSD fosse deposto do parlamento estadual, Carlos Gaban (DEM) assumiria a posição. Em nota, o democrata lamentou o entendimento dos deputados. “Recorrerei agora ao Judiciário para que eles definam se o deputado Rogério Andrade pode desrespeitar a Constituição do nosso Estado, não cumprindo com o seu dever e obrigação de comparecer às sessões ordinárias da Assembleia”, garantiu. (Bahia Notícias)

ACM Neto é pré-candidato a prefeito de Salvador

Neto aceita "intimação" do Democratas
O deputado ACM Neto aceitou o apelo do Democratas e confirmou a pré-candidatura a prefeito de Salvador. Em uma reunião que lotou o centro de convenções do Hotel Fiesta, no Itaigara, na última segunda-feira (23), o presidente nacional do partido, senador José Agripino Maia (RN), "intimou" Neto a aceitar o desafio, diante de uma platéia formada por políticos de diversos partidos e correntes, lideranças, militantes e admiradores do democrata.
"Estou aqui diante de uma convocação nacional e estadual do meu partido. Mas, principalmente, pelas palavras que surgem das ruas de Salvador. Essa pré-candidatura nasce das ruas. E esse é um momento que não se aceita e nem admite omissões. Eu jamais cometi o pecado de me omitir. Às vezes errei tentando acertar, porque entre a ação e a omissão eu escolhi a ação. E mais uma vez é o que faço, entre a ação e a omissão, eu assumo aqui a tarefa de colocar meu nome e de ser pré-candidato", disse Neto, em seu discurso.

Comissão quer transformar enriquecimento ilícito de servidor e político em crime


A comissão de juristas do Senado que discute mudanças no Código Penal aprovou uma proposta que cria o crime de enriquecimento ilícito. Pelo texto, servidores públicos e agentes políticos que não conseguirem comprovar a origem de determinado bem ou valor poderão ser presos por até cinco anos.
A sugestão ocorre no momento em que o Congresso instala uma CPI para investigar as atividades do contraventor Carlinhos Cachoeira.
No código atual, de 1940, não existe tal tipificação penal. Os integrantes decidiram que o novo crime deve valer para quem não comprovar a origem de bens móveis (carros, títulos, etc.) ou imóveis (terrenos, apartamentos, etc.). A comissão estipulou a pena de um a cinco anos de prisão e a possibilidade de o Estado ficar com o produto de origem ilícita.
O enquadramento de uma pessoa por enriquecimento ilícito, contudo, se dará de forma subsidiária. Isso significa que alguém só responderá na Justiça se a Polícia e o Ministério Público não conseguirem processá-lo por outro crime, como corrupção ou peculato (o desvio de dinheiro público), delitos cujas penas são mais elevadas.
"O enriquecimento ilícito nada mais é do que a consequência de um crime praticado anteriormente por um funcionário público", afirmou a defensora pública do Estado de São Paulo Juliana Belloque, uma das integrantes da comissão. "Ele acaba sendo um clamor da sociedade porque facilita bastante a apuração de um delito e a identificação de um crime", completou.
Outro integrante da comissão, o advogado Nabor Bulhões, foi frontalmente contrário à alteração, que considera inconstitucional porque inverte o ônus da prova, ao obrigar o acusado a comprovar que os bens que possui tiveram lastro financeiro. O advogado pondera que o País já conta com uma série de leis para criminalizar o enriquecimento ilícito.
O relator da comissão, procurador regional da República Luiz Carlos Gonçalves, considera a proposta um "momento histórico" na luta contra a corrupção. "Criminalizamos a conduta do funcionário que enriquece sem que se saiba como", afirmou.
Foram também alteradas as penas para crimes de peculato e corrupção: de 2 a 12 anos de prisão para 3 a 8. A comissão argumenta que o juiz fixa o período de prisão com base na pena mínima - que foi elevada em um ano -, e raramente chega ao teto da pena. A comissão deve apresentar um texto final à Presidência do Senado até maio.

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Qual o município que queremos?


Colaboração de Márcia Rezende

Está se aproximando o momento em que mais uma vez vamos decidir quem, com nosso consentimento, irá gerir o nosso município. É preciso nesse momento muita clareza, paz de espírito e o olhar para a coletividade. Se assim não for talvez incorramos no risco de vivermos o que vivemos agora.
Com o conhecimento que temos não cabe mais o voto assistencialista, ao qual muitas vezes nos sentimos presos por causa de um “favor recebido”. Precisamos ter consciência e agir com tal, de forma que para um político assumir o cargo maior dentro do município que é o de ser PREFEITO (A) e administrar o que é nosso, é preciso ter valores que acima de tudo estejam voltados para o bem da coletividade.
Quando ele favorece a um munícipe em algum pedido, provavelmente não está tirando do próprio bolso, ao contrário sai dos cofres públicos o que por si só caracteriza um direito do favorecido. Precisamos pensar que uma atitude nossa dura no mínimo quatro anos, e que seja ela qual for toda uma coletividade é atingida.
Precisamos pensar de forma conjunta qual a qualidade de vida que queremos, qual a que temos e qual a que podemos ter.
Até quando vamos ficar submissos à vontade alheia? Até quando vamos nos contentar com tão pouco?
Passamos quatro anos à espera de uma Unidade de Saúde mais qualificada, um Clube Cultural que possibilite várias atividades (ambos já foram referências no Município), Escolas melhor aparelhadas, o Esporte participativo, dentre outras esperas.
Penamos todo esse tempo e agora por ser ano de eleição tudo será realizado e nós vamos nos contentar e agradecer por essas realizações? Vamos nos contentar com migalhas? Não vamos questionar por que não foram realizadas antes? Vamos mais uma vez fazer do nosso voto um meio de barganha? Temos que aprender a lutar e fazer valer os nossos direitos e não aceitá-los como favor.
Esse é o Brasil, o Estado, o Município que vivemos e que escolhemos, mas é o que merecemos?
Se somos nós os detentores do poder de mudar, que façamos para melhor!

segunda-feira, 23 de abril de 2012

DEM se reúne em Salvador para lançar pré-candidatura de ACM Neto


O Democratas realiza nesta segunda-feira, às 15h, o Encontro Nacional da Militância, no Hotel Othon. O evento reunirá todos os 27 deputados federais e os quatro senadores do partido para a confirmação da pré-candidatura de ACM Neto. “Uma demonstração de prestígio do líder, ACM Neto, e da importância que o partido dá a Salvador e à Bahia. Uma bela festa com a presença de toda a executiva nacional do partido”, ressaltou o presidente estadual da legenda na Bahia, o ex-deputado José Carlos Aleluia. Segundo o dirigente, como a candidatura só será confirmada na convenção do partido, que deverá ser realizada entre maio e junho, o evento deverá ser rápido, com discursos limitados aos principais nomes do DEM. “É um encontro de filiados, amigos do partido para discutir Salvador. Claro que quando se discute Salvador aparece o pré-candidato que o partido deseja apresentar. Isso não encerra as conversas com os outros partidos. Vai na linha de que temos um candidato e queremos aliados”, salientou. (Correio*)

Marcha contra corrupção reúne 3 mil pessoas em Brasília


Sob o impacto do mais novo escândalo, envolvendo políticos com a organização criminosa comandada pelo bicheiro Carlinhos Cachoeira, cerca de três mil pessoas, pelos cálculos da Polícia Militar, participaram na manhã de sábado da Marcha contra a Corrupção, na Esplanada dos Ministérios. Entre os manifestantes havia muitos servidores públicos de categorias em greve, como a dos professores e jovens de cara pintada. A maior parte usava camisetas pretas. Portando faixas e entoando palavras de ordem, os manifestantes protestaram contra a impunidade e o desvio de dinheiro público e pediram agilidade no julgamento do processo do mensalão, aberto em 2005 e até hoje tramitando no Supremo Tribunal Federal (STF). Alguns cartazes pediam a transformação da corrupção em crime hediondo. Não houve incidentes. Leia mais no Estadão.

Marcha contra corrupção reúne cerca de 300 pessoas na Barra

Ação não conta com apoio de partidos políticos específicos, segundo organizadores
Um grupo de pessoas portando cartazes, máscaras e rostos pintados se reuniu no fim da tarde deste sábado, em frente ao Farol da Barra para protestar contra os desvios de verbas públicas no Brasil. A terceira edição da Marcha Contra a Corrupção reuniu cerca de trezentas pessoas na capital baiana e foi realizada em mais 41 cidades do País, segundo os organizadores do Movimento Brasil Contra a Corrupção (MBCC). Com carro de som, eles partiram em direção ao monumento do Cristo portando faixas que clamavam por punições mais severas a políticos acusados de corrupção além de maior conscientização por parte dos cidadãos. Mobilizados, principalmente, através das redes sociais, a maioria do grupo era composta por jovens e representantes do grupo Anonymous. Segundo os participantes, esta não é uma ação que conta com o apoio de partidos políticos específicos. “O movimento é apartidário. Não envolve políticos e sim pessoas revoltadas contra o sistema e a corrupção no Brasil”, disse um dos jovens que usava a máscara do Anonymous. Entre as reivindicações da marcha estavam o fim do voto aberto parlamentar, extinção do foro privilegiado e penas mais pesadas para os crime de corrupção. (A Tarde)

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Escola José Gomes da Silva comemora 25 anos

Localizada na comunidade de Tocos II, a Escola José Gomes da Silva, implantada em  14/03/1987, foi e continua sendo o reflexo da luta, do esforço, da coragem e da determinação da grande líder comunitária que foi Dona Francelina, conhecida por todos como Parcelina, que ao lado da sua irmã e companheira Domingas Conceição Roma, construíram o sonho de ter, na comunidade, uma instituição de ensino, que pudesse oportunizar às crianças da localidade o acesso ao aprendizado.
Dona Parcelina, conselheira e amiga de todos, e conhecedora do valor da educação, haja vista ter enfrentado e vencido as dificuldades da época para educar os seus filhos, teve, no então vereador, o saudoso José Gomes da Silva, homem de larga visão social e de verdadeiro compromisso com a causa pública e representante da comunidade, o grande articulador junto ao então prefeito José Santana das ações que culminaram com a edificação da referida escola.
Apesar de não se encontrar mais entre nós, mas especialmente representada pelos seus filhos Dário, Maria de Fátima e Dulcinéia, dona Parcelina deixou as marcas do seu esforço pessoal e da sua liderança na incansável luta pelas conquistas em prol do desenvolvimento sustentável local registradas na história da comunidade e no coração de cada um de nós, seus amigos e eternos admiradores.










Os parabéns de hoje são para Ana Cláudia!

Ana Cláudia, funcionária da Câmara Municipal, foi surpreendida por suas colegas que providenciaram o bolo e o refrigerante para a comemoração do seu aniversário.
Desejamos a você muita saúde e muita paz, pedindo a Deus que lhe abençoe todos os dias de sua vida!

 
 Não há demonstração maior de amizade do que esta.
Todo mundo hoje abriu mão da dieta!


sexta-feira, 13 de abril de 2012

Dia do Basta: marcha contra a corrupção acontece dia 21

No dia 21 de abril será realizada, em 42 cidades, o Dia do Basta. Intitulado como Marcha contra a Corrupção, no site que divulga o evento e nas redes sociais já é possível perceber a mobilização dos brasileiros.
A organização da marcha se caracteriza como "um movimento social, de iniciativa popular, de caráter pacífico e apartidário, formado por diversos estados e várias cidades brasileiras. Através da formação de uma proposta coletiva horizontal, com a participação de todos e comprometidos com a cidadania, o resgate da ética e da moralidade nas instituições públicas (Legislativo, Executivo e Judiciário, nas esferas nacionais, estaduais e municipais), nosso objetivo é estimular e mobilizar a sociedade brasileira para: a troca de ideias, ticulações, ações e manifestações (pacíficas e apartidárias) na internet, ruas e praças de nossas cidades. (Bocão News)
Em Salvador, a concentração irá ocorrer às 15h, no Farol da Barra.

Em nota, CNBB lamenta legalização do aborto de feto sem cérebro

O presidente da CNBB e arcebispo de Aparecida, cardeal Raymundo Damasceno Assis (Foto: Elza Fiúza/ABr)
O presidente da CNBB e arcebispo de Aparecida,
cardeal Raymundo Damasceno Assis
(Foto: Elza Fiúza/ABr)
Em nota divulgada na noite desta quinta-feira (12), a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) disse que "lamenta profundamente" a decisão do Supremo Tribunal Federal que considerou não ser crime o aborto de fetos que se desenvolvem sem cérebro ou parte dele.
O texto, assinado pelo presidente da CNBB, cardeal Raymundo Damasceno Assis, e pelo secretário geral da entidade, bispo Leonardo Ulrich Steiner, afirma que os princípios da inviolabilidade do direito à vida, da dignidade da pessoa humana e da promoção do bem, inscritos na Constituição, "referem-se tanto à mulher quanto aos fetos anencefálicos".
"Legalizar o aborto de fetos com anencefalia, erroneamente diagnosticados como mortos cerebrais, é descartar um ser humano frágil e indefeso. A ética que proíbe a eliminação de um ser humano inocente, não aceita exceções. Os fetos anencefálicos, como todos os seres inocentes e frágeis, não podem ser descartados e nem ter seus direitos fundamentais vilipendiados!", diz outro trecho.
A nota inicia dizendo que a decisão do STF não levou em conta a prerrogativa do Congresso em legislar. No final, a entidade católica diz se basear "em argumentos teológicos éticos, científicos e jurídicos", e nega "qualquer argumentação que afirme tratar-se de ingerência da religião no Estado laico".
No julgamento desta quinta, os ministros do Supremo decidiram, por 8 votos a 2, que  grávidas de fetos anéncefalos poderão optar por interromper a gestação com assistência médica.
Eles ressaltaram que o entendimento não autoriza "práticas abortivas", nem obriga a interrupção da gravidez de anencéfalo. Apenas dá à mulher a possibilidade de escolher ou não o aborto em casos de anencefalia sem correr o risco de punição penal. Informações G1

Contas da Prefeitura de Cabaceiras do Paraguaçu são reconsideradas pelo TCM

Prefeita Romildes
Após recebimento de documentações que comprovaram a aplicação dos recursos públicos de maneira correta, o TCM – Tribunal de Contas dos Municípios reconsiderou na tarde desta quarta-feira (11) as contas do Município de Cabaceiras do Paraguaçu referente ao exercício 2010.
Com base nas provas do bom uso dos recursos públicos municipais, a prefeita Romildes Oliveira Rios Machado (PMDB) teve suas contas aprovadas, o que para a população não seria surpresa, já que é notório a evolução que o Município tem enfrentado nos últimos três anos. Informações Mídia Recôncavo

Conselho Federal de Medicina vai definir critérios de anencefalia

Uma comissão especial foi criada na manhã desta sexta-feira pelo Conselho Federal de Medicina para estabelecer em 60 dias os critérios para o diagnóstico de anencefalia.
A decisão foi tomada pelo plenário da entidade após a decisão de ontem (12) do STF (Supremo Tribunal Federal) que liberou a interrupção de gestações de fetos anencéfalos.
Farão parte da comissão representantes do próprio conselho, das sociedades médicas de pediatria, neurologia, ginecologia e obstetrícia, do Ministério da Saúde, e especialistas em ultrassonografia fetal. Também poderão dar suas contribuições especialistas de algumas das principais universidades e escolas médicas do país. Informações da Folha

Vereadoras promovem MMA durante sessão na Câmara

Totalmente desequilibrada, a vereadora partiu para a porrada!
Terminou em socos e puxões de cabelos uma sessão na Câmara Municipal de Borba, no Amazonas, na noite de segunda-feira (10). As protagonistas da cena prá lá de vergonhosa foram as vereadoras Elizabeth Maciel (PSD) e Yolanda Andrade (PCdoB). Em seu pronunciamento, Maciel cobrava prestação de contas de Yolanda durante o período em que a pecedebista esteve à frente da presidência da Casa. Como não gostou da declaração da "colega", Yolanda partiu literalmente para cima da vereadora. A agressora ainda contou com a ajuda do filho e do sobrinho.
"Eles quase arrancaram a minha orelha e meus ombros estão muito inchados. Passei mal à noite e fui para o hospital sentindo muitas dores", disse Maciel, que registrou ocorrência contra o trio na Delegacia de Polícia Civil do município.
A TV Câmara do município registrou a briga e o vídeo circula nas redes sociais. (Bocão News)

Camaçari: Prefeitura diz que construtora colocou placa em cemitério sem autorização e 'irresponsavelmente'


Camaçari: Prefeitura diz que construtora colocou placa em cemitério sem autorização e 'irresponsavelmente'
placa de obras do cemitério municipal do bairro da Gleba H, em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), foi fixada sem a autorização da prefeitura. Em nota enviada ao Bahia Notícias, a Coordenação de Comunicação da administração camaçariense informou que o equipamento de divulgação foi colocado por conta própria e “irresponsavelmente” pela AGL Serviços e Comércio, construtora encarregada pelos serviços de reforma do espaço. “A placa destoa completamente dos padrões de comunicação da prefeitura, tanto do ponto de vista da estética, como no texto de assinatura que é 'A Prefeitura trabalha, você vive melhor', explicou a assessoria. (Bahia Notícias)

Cabaceiras do Paraguaçu: Vereador subtrai Livro de Ata em plena Sessão

O Vereador do Município de Cabaceiras do Paraguaçu, Juraci Henrique Santana, popularmente conhecido por Sí de Mandinho, insatisfeito com a leitura da Ata da Sessão anterior resolveu fazer algo inédito na região do Recôncavo, subtraindo a Ata na frente das câmeras e levando para local ignorado. Os vereadores de oposição insistem em não aprovar a suplementação orçamentária da Prefeitura para o exercício 2012. O Presidente da Casa Legislativa prestou queixa na delegacia local e pretende adotar as providências cabíveis  para o caso, já que se trata de um parlamentar. Um fato semelhante chamou a atenção do Brasil no último Carnaval de São Paulo, quando membros de escolas de Samba invadiram o local da apuração e subtraíram as notas. Informações Mídia Recôncavo

‘A ditadura na Bahia está sendo investigada’, diz Eliana Calmon


A corregedora do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), juíza Eliana Calmon, classificou como “equivocada” a indicação do deputado estadual Targino Machado, que em discurso no plenário da Assembleia Legislativa defendeu seu nome para governar a Bahia. Em entrevista ao Portal da Metrópole, na noite desta quarta-feira (11), ela também se negou a entrar em detalhes sobre investigações feitas no Judiciário baiano para apurar um suposto esquema de corrupção, porém garantiu que as inquirições estão sendo levadas adiante.
Para justificar o desejo de ter Eliana no comando do Executivo estadual, Targino afirmou que a magistrada “desponta no cenário nacional como uma liderança impoluta, capaz de banir dos ambientes a corrupção”.
Porém, Eliana rechaçou a possibilidade. “A indicação é equivocada. Não sou política, sou magistrada”, disse, antes de proferir palestra no Fórum Ruy Barbosa, em homenagem aos 80 anos da OAB-BA.
O atual chefe do Executivo estadual, Jaques Wagner (PT), que também compareceu à cerimônia, preferiu não se posicionar sobre a ideia do líder dos independentes. “Antes de falar qualquer coisa, é preciso que ela aceite a indicação”, disse o governador.

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Suposto Ovni é flagrado por passageiro de avião

Suposto Ovni é flagrado por passageiro de avião
Um suposto objeto voador não-identificado (Ovni) foi flagrado em Seul, na Coreia do Sul, no sábado (7). As imagens foram filmadas por um passageiro de avião. No vídeo, o rapaz tenta aproximar o objeto, que parece acelerar e desaparece. A gravação foi publicada no Youtube e já tem mais de 2 milhões de acessos. (Bahia Notícias)

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Executiva do PSDB se reúne no dia 20 para debater eleições municipais de 2012 na Bahia

Sérgio Passos, presidente do PSDB
A executiva estadual do PSDB da Bahia se reunirá em Salvador no próximo dia 20 para fixar prioridades nas eleições municipais de 2012. Na reunião, os tucanos irão debater a participação da legenda nas principais cidades do estado, com foco principal na eleição da capital.
Segundo o presidente estadual Sérgio Passos, a reunião estava marcada para o dia 13, mas, em atendimento a uma solicitação feita pelo vice-presidente do partido, o ex-deputado estadual Murilo Leite, os tucanos decidiram agendar uma nova data, ficando confirmado o encontro para o dia 20, na sede do PSDB em Salvador.
Nas próximas eleições, o PSDB buscará  exercer o papel de protagonista em vários municípios baianos. O partido planeja montar um grupo de trabalho que estudará estratégias que deverão ser adotas em 2012. “Vamos avaliar onde podemos ter alianças e onde temos garantias para lançar candidatura própria", afirma o presidente.

Democratas não passa mão na cabeça de ninguém


Democratas não passa mão na cabeça de ninguém
"O Democratas mostra mais uma vez que é um partido diferente dos outros, que não passa a mão na cabeça de ninguém. Agimos com rapidez e fica o exemplo: nenhum membro do partido que for pego em situação semelhante terá condescendência". As declarações do deputado ACM Neto, líder do Democratas na Câmara, refletem a posição do partido diante do pedido de desfiliação do senador Demóstenes Torres (GO). "O partido está aliviado com decisão", acrescentou.
Neto lembrou que o Democratas abriu processo para expulsar Demóstenes Torres, que optou por deixar o partido antes.  "O exemplo foi dado por nós. Se Demóstenes não tivesse pedido para se desfiliar, certamente seria expulso. Não temos nenhum problema em cortar na própria carne. Nosso discurso de combate à corrupção e aos desvios éticos não difere da prática", disse.
O deputado ainda lembrou que alguns partidos, como o PT, preferem esconder os erros de seus integrantes a puní-los. O parlamentar baiano citou o caso do Mensalão, onde muitos dos envolvidos se tornaram réus, mas mesmo assim continuaram nos seus partidos sendo tratados como heróis.

Sessão da Câmara de Vereadores dia 03 de abril

Sessão realizada na Câmara Municipal de Vereadores de Governador Mangabeira no dia 03 de abril de 2012 em despedida dos vereadores Luiz de Detinho e Nerinho, que na condição de suplentes tiveram que devolver a vereança.

terça-feira, 3 de abril de 2012

Merece reflexão


"Os bons homens se foram: Ulysses Guimarães, Tancredo Neves, Teotônio Vilela, Miguel Arraes, Mário Covas. Se esses tivessem ficado e outros tivessem morrido, o Brasil seria diferente."

SENADOR PEDRO SIMON, NA EDIÇÃO DESTA SEMANA DA REVISTA VEJA.

DEM anuncia abertura de processo pelo qual poderá expulsar senador


O presidente nacional do DEM, senador Agripino Maia (RN), anunciou no início da noite desta segunda (2) a abertura pelo partido de um processo disciplinar que poderá resultar na expulsão do senador Demóstenes Torres (GO) da legenda. Demóstenes Torres aparece em gravações de escutas telefônicas feitas pela Polícia Federal que indicam envolvimento dele com Carlos Augusto Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, preso pela PF em fevereiro sob a acusação de comandar um esquema de jogo ilegal em Goiás. Segundo as gravações, o senador teria usado o mandato para favorecer o bicheiro. O DEM havia cobrado explicações de Demóstenes. O partido queria que ele apresentasse justificativas ou fizesse um pronunciamento na tribuna do Senado. Mas o senador argumenta que precisa de mais tempo para analisar o processo ao qual responderá no Supremo Tribunal. Leia mais no G1.

Especialistas apontam soluções de combate à violência na Bahia

O PSDB da Bahia, através do Instituto Teotônio Vilela,  promoveu na quinta-feira (29), o seminário Segurança Pública na Bahia, Desafios e Perspectivas, quando debateu com especialistas as taxas crescentes da violência em Salvador e em todo o estado. O evento aconteceu no Hotel Fiesta.
Com mais duzentas pessoas na plateia,  o seminário teve como palestrantes o Cel. José Vicente da Silva Filho , ex- secretário nacional de Segurança Pública e pesquisador para a área de Segurança Pública do Instituto Fernand Braudel, órgão dedicado a estudos econômicos e sociais, considerado uma das maiores autoridades em segurança do Brasil. “Por falta de gestão e planejamento, a Bahia está perdendo a guerra para o crime. É preciso reagir  rápido”, afirmou.
O deputado federal Fernando Francischini (PSDB-PR), delegado da Polícia Federal, contou como se desenvolveu a operação que prendeu Juan Carlos Abadia, considerado o maior traficante de drogas do mundo. Francischini, que também prendeu o traficante Fernandinho Beira Mar e o contrabandista Law Kin Chong, falou sobre os programas de prevenção ao uso de drogas e de recuperação de crianças e jovens dependentes químicos desenvolvidos  em Curitiba pela primeira Secretaria Municipal Antidrogas do país, criada por ele em 2008, na gestão do então prefeito Beto Richa (PSDB).
Já o professor  Carlos Alberto da Costa Gomes , diretor técnico da Federação dos Consultores Comunitários de Segurança Pública do Estado e coordenador do Observatório da Segurança da Bahia, criticou a falta de prioridade dos investimento em segurança pública no estado.  Ele apresentou números bastante preocupantes em relação à falta de planejamento na estrutura da polícia baiana. “Hoje na Bahia, o efetivo  PM é o mesmo de 2009,com aproximadamente 30 mil policiais para todo o estado, sendo que desse total, 10% estão afastados por doenças, 10% estão de férias, 30% trabalham na administração, 35% exercem suas atividades pela manhã, 35% a tarde e 30%a noite, o que significa apenas 5250 PMs em toda Bahia ou  2625 na capital e 2625 no interior”.
"O estado de insegurança em que vivemos é um dos mais graves problemas enfrentados em todo o estado, e mais notadamente em nossa bela capital, que aniversaria hoje. Portanto, considero relevante que, junto com a comunidade, tentemos identificar soluções que reduzam esses índices a níveis aceitáveis", afirmou o deputado federal Antonio Imbassahy.
O evento contou ainda com a presença do deputado Jutahy Júnior (PSDB), João Almeida, ex-deputado e vice-presidente nacional do partido, o presidente estadual do PSDB, Sérgio Passos, prefeitos, vereadores, representantes do Ministério Público,  lideranças comunitárias, professores e estudantes.